quarta-feira, 14 de março de 2012

Divagando...


 Olhando alguns comentários que recebo aqui no blog, fiquei pensando que algumas vezes parece que é fácil para mim seguir dieta, treinos, etc. Hoje com certeza é mais fácil que há alguns meses atrás. Mas eu também comecei de algum lugar e quando comecei o blog eu já tinha percorrido uma parte do caminho. Então pra quem acompanha aqui, vou falar um pouco do meu inicio. 

Eu sou daquelas pessoas que tem formato de corpo retângulo e quando ganho gordura ela se distribui pelo corpo todo, só começa a concentrar na barriga depois que a pele já engrossou de gordura, muito estranho isso. Quando eu estava para me formar na facul, engordei 8kg e ninguém notava, ou notavam e não diziam!, e como no lugar que eu trabalhava usava aquelas calças de tecido tipo social, jeans quase nunca. Quando vi já estava na calça 40. E contando com a genética também sempre perdi peso com facilidade, peso, né? gordura é outro departamento...

Depois que tive meu filho e chegando nos trinta, tive um desentendimento com uma pessoa que gosto muito. Neste bate boca ela me chamou de pançuda e bunda caída que se achava... Ai como doeu! Eu posso até não gostar de ouvir crítica, mas eu sempre procurei ver o que posso tirar de bom de cada situação. Como diz o Skank "tudo tem 3 lados" ou mais, eu diria. Depois dessa, fui me olhar no espelho com mais atenção e vi que de fato eu estava magrinha (51kg) mas sem qualidade, uma barriguinha saliente(a maldita que eu luto até hoje, só que mole! uma eca!) e a bunda já tinha sido mais feliz. Percebi que só comer um pouco de tudo já não dava o resultado que eu queria. Chorei, sofri, avaliei a situação e decidi mudar. 

Isto foi há quase 3 anos. Primeiro melhorei um pouco minha alimentação, mas fazia o fim de semana inteiro livre e comecei a levar a academia a sério. Depois troquei de academia e vi um mundo de possibilidades. Me deparei com o fato de que eu sempre quis ficar que nem as capas de revista mas nunca cheguei nem perto por mais que fosse magra e fosse a academia todo dia, religiosamente! Então o que estava errado??? Comecei a conversar com os instrutores da academia(que têm um físico que motiva!), pesquisar na internet, etc. Percebi que sem mudar a qualidade do que eu comia não ia alcançar meu objetivo de deixar de ser mole!

Pouco mais de um ano atrás, decidi que ia investir em mudar minha alimentação. No inicio era uma dureza. Nunca fui de comer bastante, mas a qualidade... ai, ai nem queiram saber... Decidi que ia liberar só sábado e domingo, mas quando era terça feira eu já tinha comido alguma porquera. Então decidi que ia ter um pecadinho por dia, depois um a cada dois dias, depois uma refeição livre na quarta e depois o sábado livre e por fim já conseguia fazer uma semana inteira de dieta. Para mim foi um processo gradativo. Quando comecei a ver os resultados, ai que maravilha! Fui me sentindo cada vez mais determinada. Daí quando eu pensava em comer algo fora da dieta eu lembrava do que tinha lido no blog da Lara Sulianno, algo do tipo "quer comer ou usar biquíni se sentindo bem?". Cheguei a colar post it com esta frase na geladeira, no carro, no armário...

Hoje em dia, luto para melhorar detalhes e isto é mais complicado. Mas tenho certeza que vou chegar logo na fase de manutenção e vou poder comer minhas frutinhas que eu amo e sinto tanta falta. Posso dizer pra vocês que transferi o prazer que tinha na comida para o espelho, adoro me olhar de verdade no espelho, adoro ir provar roupa e não ficar fofinho para fora e quando reparam que eu treino então, meus olhos brilham! 

Se alguém teve paciência de ler até aqui, e se meu relato ajudou de alguma forma fico muito contente!

...
Não vou falar de hoje, amanhã eu venho e conto da rotina.

Bjossss

9 comentários:

  1. Muito legal ter compartilhado sua história e melhor ainda que deu e está dando a volta por cima! Dá pra perceber que com certeza chegará ao seu objetivo! ;)
    Bjs,
    Tati

    ResponderExcluir
  2. Ahhhh que lindaa!!!!
    Verdade o começo é complicado mesmo!
    To passando por isso nesses 1 mês de dieta do nutri, agora que tá chegando o retorno sei que podia ter feito melhor, mas não adianta chorar e ver o que mudou e no próximo bloco dar mais de mim na dieta!!!!
    Adorei o seu relato!!! Sou suspeita pra falar né!!!
    Bjussss ótima quinta!

    ResponderExcluir
  3. Vi, adorei! Deu pra te conhecer mais agora! E realmente, não é uma caminhada fácil acho que é difícil pra todo mundo, mas vc tá mais avançada nessa! Brigada, vc anda me motivando muito!
    bjo

    ResponderExcluir
  4. força na peruca amiga!

    estamos todas juntas, cada uma na sua busca individual :)

    beijão

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito do post!
    Vc foi bem determinada :D as pessoas falam que determinaçao é quando vc consegue chegar aos resultados rápido, mas eu nao acredito nisso, pra mim determinação é vc conseguir resultados de acordo com seu tempo e com as suas limitações! :)

    Parabéns viu! Beeijos

    ResponderExcluir
  6. Realmente o começo é muito difícil...da vontade de jogar tudo pro alto...Mas somos guerreiras e estamos ali firme e forte !!!

    Eu ainda estou no começo ..e digo uma coisa meu maior incentivo é o mundo virtual...vejo muita gente como vc que consegue o que almeja e não desiste ...pois é um objetivo alcançável...só vai depender de nós...

    Quando poder passa lá no meu cantinho...
    http://anotesempre.blogspot.com/

    Um Beijo

    ResponderExcluir
  7. Importante é não desistir né?
    É gostoso ler historinhas de como as pessoas mudaram suas vidas!

    ResponderExcluir
  8. Vi, obrigada por este relato! Você está com um corpo lindo! É muito bom saber que, com determinação e disciplina, eu também posso perder minhas gordurinhas! Adorei sua tática de dieta progressiva, acho que vou adotar, tá difícil tirar o chocolate da minha dieta rs. Bjos!

    ResponderExcluir
  9. Amigas,
    que bom que vcs gostaram, se identificaram, se inspiraram com o meu relato. Desculpa não responder uma a uma, mas estou com pouco tempo hoje!

    Bjks

    ResponderExcluir

Deixe sua mensagem após o bip...BIiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiP!