quinta-feira, 12 de julho de 2012

Cabeça em ordem...




Depois de muitos dias com a cabeça a girar, hoje acordei vendo o eixo das coisas... Dá um alívio quando a gente vê as coisas em seus lugares. Durante os últimos meses eu estava sendo muito mais mãe do que mulher, do que esposa, do que filha, do que nora, do que eu! Eu estava tentando desesperadamente cuidar de todo mundo, fazer todo mundo feliz, não desagradar ninguém. O que me sobrava, o que eu podia fazer por mim era treinar e me alimentar bem, e isto eu fazia quase compulsivamente, tentando manter minha sanidade, era minha fuga da realidade, era a tarefa em que eu tinha o maior controle, onde minha felicidade dependia só do que eu fizesse.
Há alguns dias tive aquele plim! que me acordou que a felicidade dos outros não depende de mim, de que quanto mais a gente cuida mais as pessoas requerem cuidados, elas se acostumam com isso e, pior, acham que está tudo bem sugar tudo que o outro pode dar. Eu não consigo fazer todo mundo feliz e está tudo bem! Eu não tenho que evitar que quem eu amo se machuque, porque muitas vezes a dor ensina mais do que o amor. Mas eu posso estar lá pra ajudar a cuidar das feridas e já será suficiente.
Descobri também que tenho que aprender a lidar com isso, com o fato que eu não posso e nem é minha obrigação cuidar de todos, escutar, apaziguar, aconselhar, dar bronca... Preciso aprender os meus limites, para que não aconteça de novo de eu me sentir tão mãe que eu não tinha mais tesão por nada. Não estava ligando pros meus creminhos, pro meu cabelo, pra atualizar o guarda roupas( e acessórios!)... Pois é, não é a toa que eu só comprava suplementos!
Resultado: stress, liberação absurda de cortisol, alterações hormonais, crises de asma... vontade de morrer! Sim, porque é frustrante a sensação de não dar conta de tudo.
Estou organizando minha cabeça para retornar ao meu dia a dia. Parei com os treinos há uns 10 dias eu acho, sinto falta, faz parte de mim. A dieta eu liberei, mas não tive vontade de chocolate ou de pão com manteiga ou de gordices, eu só queria meu mingau de aveia com Myofusion! E comi, melhor isso do que me acabar em junkie e depois ter que correr atrás do prejuízo. Mas agora let's go...


Esta música é tão pra cima, eu tenho escutado muito. E agora que estou mais tranquila e voltando pra mim, me lembrei que também gosto muito de moda e que sempre me senti estranha nas roupas que achava mais legais pelo simples fato que meu biotipo era de ser mais peituda e bunda saliente kkkk. Não estou mais com medo de ficar sem bunda e sem coxa. Como eu já disse aqui antes eu acho lindos os corpos da Jamie Eason, Erin Stern, Olya... Entendem? Proporcionais, densos, durinhos, definidos... Ai! É isso que eu sonho...
A Nicole Wilkins com roupa mais normal não é aquilo tudo que aparece nas fotos, fica elegante, na minha humilde opinião, e quando ela põe biquíni ela arrasa! 

Hoje me sinto feliz na minha decisão de que eu quero ser magra e elegante com tudo durinho e definido...Não preciso agradar ninguém além de mim mesma! Eita tarefão hein? Mas tudo bem, devagar se vai ao longe, Rome wasn't built in a day...


Vou seguir tentando chegar ao verão na melhor versão de mim que for possível, espero que estejam comigo!

Mais uma musiquinha pra animar... O negócio é arriscar, é tentar infinitamente ser feliz!
Semana que vem começa tudo de novo...êêêêê!

Bjks

16 comentários:

  1. Está certissima cara colega! Não precisamos agradar ninguem além de nós mesmas! Mas convenhamos, talvez essa seja a tarefa mais dificil e complicada de todas! Somos as criaturas mais criticas e mais exigentes que existe, talvez nunca consigamos ser boas para nós mesmos.
    Devemos sim ser feliz! Correr atrás da danada da felicidade... E se um batonzinho nos ajuda a ser feliz, pq não?
    Vi, continue cuidando de tudo e todos que vc ama da forma que vc sempre cuidou, mas não se esqueça que vc tb se ama!
    Sua loira linda e bunduda!
    Bjos
    Ira =D!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, Ira, o mais dificil é se fazer feliz mesmo... Mas sou teimosa e persistente, sigo tentando!

      Obrigado pelo carinho!

      Beijão!

      Excluir
  2. Que animada, Vi! Adorei =)
    Eu tbm quero ser assim como as atletas que vc citou.. elegantes no dia a dia e perfeitas no biquine! hehe

    Bjao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E vai ser Gi!

      Vc é muito guerreira e é uma lindona!

      Bjs

      Excluir
  3. Oi! Que bom que acordou e está super determinada! É normal por vezes desmotivar, mas o bom é que de repente nos dá novamente vontade de lutar! Força! Vai conseguir chegar onde quer! Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Luah! Tem um dia que a gente acorda e decide continuar a batalha!

      Obrigado!

      Bjs

      Excluir
  4. Vi, que post lindo! Cheio de realidade!!! É isso aí, menina, nossa busca incessante pela felicidade depende puramente de reflexão! Feliz por ter acontecido o plimmmm na sua vida! Bjos (amo mingual de aveia!!!)

    ResponderExcluir
  5. Ah Vi que lindaaaaaa!
    Isso mesmo, tem que se achar e ser quem vc quer, mudar por vc e por mais ninguém!
    Tipo eu, to nem ligando quando falam que eu quero ser que nem a "gorda" da aryane porque é mais fácil! Se fosse fácil todo mundo seria que nem ela, e outra o corpo é meu, faço dele o que eu quero e gosto, que graça teria se todas fossem musculosas e enormes, todas rasgadas????
    Tá certíssima, to com vc sempre, magrinha e elegante, se é teu sonho lute por ele, independente da opinião de qualquer um!!!!
    P.S. agora preciso fazer que nem vc e me achar na parte feminina, acho que tem umas duas semanas que meu corpo não sabe o que é creme, roupas ainda não to comprando, não quero perder muitas peças nesse processo, e preciso dar um jeito nesse cabelo urgente, nem vou falar que a minha última aquisição foram um squizze novo e o polivitamínico que acabou o.O - preciso ganhar mais ou dosar mais as compras, que adianta, sarada, ressecada e sem roupa???? Oh my god!!!!!
    Fui porque além de ter ficado preocupada agora com o que acabei de constatar, vi que acabei fazendo um mini post no seu blog hehehe!!!!! Bjão loiraaaaaa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fica a vontade, minha Monicat! Pode escrever, vc sabe que adoro seu carinho, sua presença...

      Eu não consigo acreditar que alguém tem a coragem de te criticar por querer ser como a Aryane! Como existe gente pra cuidar da vida da gente, né? Não é a toa que não devem conquistar nada na vida. Deixa este bando de perdedores pra lá, bem longe da tua cabeça. Bom é ficar perto de quem tem algo a nos acrescentar e certamente estes perdedores só tem a tirar, não valem nem o esforça de uma resposta falada. Tua vitória vai mostrar que tu estava certa!

      Te adoro!

      Bjs

      Excluir
  6. Não entendi...a senhorita nn quer ser mais sarada? levar vida de sarada? Me explica...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gabriela,
      não desisti, estou mais firme ainda deste propósito, só não quero me deixar influenciar tanto por outras idéias!

      Bjs

      Excluir
  7. Adorei vi, acho que a gente tem mesmo que encontrar o próprio equilíbrio. E compartilho com vc dessa ideia de ser a melhor versão de si mesma, é o que eu quero para mim também. Muito bom quando dá esse plim né?
    Agora força pra semana que vem mulher!
    bjaum

    ResponderExcluir
  8. Vou seguir tentando chegar ao verão na melhor versão de mim que for possível, espero que estejam comigo!

    Foi a parte que mais me chamou atenção no seu desabafo.
    Sei que é dificil ser mãe,esposa,filha,mulher.Passo por isso e só que vive sabe..Não é simples como parece.Somos artistas querida...
    Mas que bom que sua cabecinha voltou ao lugar e quanto a mim estarei com vc sempreeee...
    Também tô na fase de fazer com meu corpo o que eu quero e não mais o que o povo acha que tem que ser..
    Beijokas gataaaa....
    tamooo juntooo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É amiga, só quem passa por isso sabe, e ainda tem gente que fala que a gente nem faz nada! kkkkkk

      Obrigado pela companhia!

      Bjs

      Excluir

Deixe sua mensagem após o bip...BIiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiP!